Páginas

Thursday, December 10, 2009

Capítulo I "A Yoga da desilusão ou Arjuna Vishada" v.13,14 15 e 16 (parte 2)

Bhagavad Gita, à luz de Kriya Yoga (Paramahamsa Hariharananda Giri)

Prefácio de Sadguru Sri Paramahamsa Prajnanananda Giri

Capítulo I "A Yoga da desilusão ou Arjuna Vishada"


O Senhor Krishna é o primeiro a tocar uma concha o búzio, isso significa que nas adversidades que um devoto, um kriavan QUE TEM que ser sincero .
Enfrentar No Seu Caminho material e espiritual, sempre entregando a batalha à Deus Supremo e ao  Gurudev Antes de qualquer coisa. 
É ele que Invocamos quando antes da nossa prática diária entoamos o mantra OM é o som do búzio do Senhor nos chamando para a batalha contra nossas dificuldades.




Temos que deixar a energia divina fluir entre os tres corpos Físico, Astral e Causal para que possamos evoluir espiritualmente até a auto-realização em Deus

 Pancha Mahabhutas (Cinco elementos brutos) de Akasha (eter) Vayu (AR), Tejas (Fogo), AP (água) e Prithvi (Terra). As propriedades primárias de Pancha Mahabhutas São Som (éter), toque (AR), Visão (Fogo), gosto (água aroma e) (terra).


1-24 Elementos do corpo físico ou o corpo bruto: Sthula Sharira


01)Cinco Jnana Indriyas ou órgãos dos sentidos
02) Cinco Karma Indriyas ou órgãos de ação

03) Cinco Pranas ares vitais ou

04) Manas ou mente (Verdades ) conecta a mente aos sentidos

05) Buddhi ou Intelecto discrimina: intuição

06) Chitta Ou o subconsciente  restrição mental

07) Ahamkara ou o ego  Arrogância, auto-consciência


2-O corpo astral ou o corpo sutil: Sukshma Sharira ou Deha Linga

1- Conhecimento : Desejo puro pela Verdade, dissolução da ignorância.
2-Superconsciência: Ham-Sa   a consciência da alma de cada um puxando a respiração através do corpo : ver a luz subindo e descendo com ela.
3-Consciência Cósmica: Ouvir o Som divino e observar seu movimento interno. Chidakasha Samadhi
4-Profundo estado meditação:  a pessoa não consegue falar. Parakasha Samadhi
5- Mãe Divina Natureza : Realização em Deus sem perceber os sentidos:  Daharaksh Samadhi
6-Núcleo da Alma : Ponto atômico: Atmakasha Samadhi


3-O corpo causal ou o corpo de semente: Karana Sharira. ( Capítulo 18)

O Poder do Pai celestial, o poder de Deus condutor de tudo, em união perfeita com Deus: Nirvakalpa Samadhi



Terra
Agua
Fogo
Ar
Eter
ao centro o "Atom Point" fontanela

"Concentre sua atenção no ponto “átomo” na fontanela anterior, no topo da cabeça. Se você ficar focado neste espaço vazio interior, então os pensamentos, distrações dos cinco elementos, não podem entrar em sua mente. Sua respiração vai ficar muito fraca, e você vai entrar em Samadhi, o estado livre de pensamentos."


PAnchajanya (o búzio do Senhor Krishna) que Divino som Purifica os cinco elementos dos 5 chacras, os cinco cavalos (purificação com uma energia divina nos cinco chacras)

Vayu
Ar: 1. Prana Vayu É associado ao elemento de ar, E tem um movimento ascendente associado com o inalaçãoO Prana Vayu é a energia do chakra Anahata, o chakra do "Coração", que expressa "Coração Aberto".
Terra: 2. Apana Vayu é a força motriz da exalaçãoé a força da Eliminação de resíduos, em geral, trabalhando nos rins, cólon, reto, bexiga e órgãos genitais. E também a força do movimento nenhum processo de reprodução - o que se move Essencialmente uma vida nova "para fora" no mundo - a partir de Inseminação até o partoestá associada com o elemento terra, E é a energia do Muladhara Chakra, que está preocupado em ter uma base sólida, segura e confiável, especialmenteem questões fundamentais de sobrevivência.

Fogo:3. Samana Vayu O poder é do metabolismo ou "fogo digestivo", que controla o Funcionamento dos órgãos abdominais e glândulas. Ele rege uma área entre o fundo do coração e do umbigo - centralizado na área do plexo solar associado com o elemento de fogo. Ele está associado com o Chakra Manipura,

Eter ou Vácuo: 4. Udana Vayu é uma força específica que expele ar com uma exalação de uma forma que está particularmente relacionado Discurso e com uma produção de eter o som Éter ou espaço, e está associado com este vayu Como é o quinto ou Garganta da chácara - um chacra Vishuddha. Essa energia se Movendo para cima continua
Agua:  5. Vyana Vayu permeia o corpo inteiro, de modo coordenado Não tem nenhum lugar específico, mas sim as coordenadas de todos os poderes como uma percepção sensorial, e percorre toda uma rede de 72,000 nadis ou passagens de prana corpo não, conectando as Funções do nervos, veias, músculos e articulaçõesO elemento Água associada com o Chakra Svadisthana

Agni
Agni, Deus como testemunha
puróhitaṃ īḻe agním / ṛtvíjam devam yajñásya / hótāraṃ ratnadhâtamam

"Eu louvo  Agni, o sacerdote da casa, quem realiza o sacrifício divino, quem invoca, o maior doador dos tesouros". Rigveda





Os sete fogos Sagrados


1-Daksina Agni :/Bhu Loka  o  Fogo do desejo de riqueza Muladhara 
2-Grahapati Agni /Bhuba-loka  o  Fogo da paixão sexual Swadhisthana

3- Vaishwanara Agni /Bhuba-loka o  Fogo do desejo por comida Manipura
4-Ahavanyira Agni/Maha -loka Fogo Emocional  Anahatha
5-Samidbhavanama Agni/ Jana-loka  o Fogo religioso e criativo Vishuddha
6-Brahma Agni/Tapa-loka  o Fogo da Alma Ajna ou Soul
7-Vishvarupamaha Agni / Satya Loka  O fogo Divino que tudo permeia Deus , fontanela ou Sahasrara

"Estes fogos são o poder de Deus. Exteriormente, os fogos se manifestam como sete tipos de desejo, interiormente, são percebidos como luz divina que leva ao conhecimento, a consciência, a superconsciência e a consciência cósmica. Ao assistir a este espetáculo de fogo de Deus em todas as ações, você pode perceber Deus como o único agente no corpo. Esta “solar " ou divina energia luminosa mantém a vigilância constante da alma e libertação do karma". ( Paramahamsa Hariharananda Giri no livro Bhagavad Gita in the Ligth of Kriya Yoga v 3 p.  373)
Agua
APSVANTARMRITMAPSU BHESHAJAM (AtharvaVeda 4/4)

A água é o elixir da vida, a água tem valor medicinal.


A água é a necessidade primordial do corpo humano. A água é igualmente o elixir da vida por causa de que o corpo é purificado e nos tornamos energético. A água também possui valor medicinal. Ela liberta o corpo de doshas diferentes (doenças) e é conhecido como Bheshagya. Isso nos dá uma boa saúde, felicidade e contentamento

.
Yaapo divyaa utavaa sravanti khanitrimaa utavaa yaa swayarn / jaa
samudraartha yaa soochayapaavakaasta aap devi iha mamavantu / / "

(Rig Veda, VII, 49,2)
"As águas são do céu ,
fluem depois de ter sido escavado o solo,
mesmo aquelas que nascem por si sós,
as águas brilhantes puras que vão para o mar,
podem proteger as águas divinas aqui em mim ".


O segundo búzio

O segundo OM é o búzio de Arjuna Queremos ser Nara Narayana, o discípulo perfeito, esta é a nossa meta, ea primeira coisa é uma Enfrentar uma desilusão com este mundo material ea busca sincera da TRANFORMAÇÃO Através da disciplina e Devoção ao Gurudev que é nossa ligação mais forte com o Deus Supremo, Narayana Deus absoluto Brahaman.
Um dos Pandavas, terceiro filho da Rainha Kunti, sua ligação é com o terceiro chacra, o Centro de Nutrição tem uma força de  Indra

Na ciência ocidental convencional:

agua terra fogo e ar



 1.boca; 2. faringe; 3. esôfago; 4. estômago; 5. intestino delgado; 6. intestino grosso; 7. fígado; 8. pâncreas
.
Digestão

A digestão abrange todo o processo que começa com a ingestão do alimento e termina quando ele é finalmente absorvido pelas células intestinais e encaminhado ao fígado, para ser metabolizado. 
O aspecto   mais importante da digestão é a transformação de proteínas, gorduras e carboidratos em unidades cada vez menores, que possam ser absorvidas pela corrente sanguínea e pelo sistema linfático, para serem utilizadas pelo corpo de diferentes formas.

Metabolizar significa, em essência, "transformar" – e abrange os
vários processos que transformam os nutrientes dos alimentos em substâncias químicas que podem ser utilizadas por nosso organismo. O processo como um todo é, obviamente, muito complexo

tipos de alimentos que são metabolizados para uso do nosso organismo:
 carboidratos, que são transformados em açúcar simples, 80% glicose e o resto frutose ou lactose,
fruta ou laticínio;

proteínas, que são transformadas em aminoácidos;

gorduras, que se transformam em triglicerídeos;

fibras, que são celulose e, portanto não podem ser transformadas

Dessas quatro substâncias, apenas três são absorvidas por nossos sistemas digestivos: os açucares, os aminoácidos e os triglicerídeos.
 Samana Vayu - Este é o poder do metabolismo ou "fogo digestivo", que controla o Funcionamento dos órgãos abdominais e glândulas. Ele rege uma área entre O fundo do coração e do umbigo - centralizado na área do plexo solar - e sua sede está a ser dito no umbigo. 
Enquanto o prana vayus apana e tem a ver com uma assimilação - Ou, tendo-nos - e auto-determinação - Ou aterramento - Através da escolha, o Samana Vayu está preocupado especificamente com o poder de discriminação.


Em seu trabalho com os alimentos e a digestão, esta é uma força que separa os nutrientes de toxinas: quando não está a funcionar bem, pode-se reter toxinas, levando a falta de ar e distúrbios gástricos. No caso da mente, um Apana Vayu é o poder pelo qual se separar ou discernir o bem do mal, o que nos Permite assimilar uma informação por causa de fazer escolhas. 
Quando há um distúrbio, uma pessoa pode viver na Ilusão ou ficar alienada mental. Numa tradição do yoga o poder de digestão é muito importante para Fortalecer O Poder da mente - particularmente a da respeito discriminação e julgamento.



Samana Vayu é associado com o elemento de Fogo, associado  com o Chakra Manipura, E, quando desequilibrada, a sua energia pode despertar Ígnea  ou vontade dominar , Especialmente Através de raiva. 
Na tradição da ioga, Raiva E o resultado direto de uma Combinação de desejo, desilusão e falta de discriminação. Quando as energias e o Funcionamento do vayus São equilíbrio em trazidos clareza da mente, Consciência e auto-expressão, Humildade


Indra contra Deus Guerreiro implacável contra Forças do demoníacas e do mal
Srimad Bhagavatam 6:10:19


O terceiro Om


O terceiro OM é do búzio de  Bhima a respiração, a parte mais complexa que é disciplinar a respiração como uma melidia divina, em harmonia com as batalhas e 17 degraus que vamos ter que subir para chegar até a Realização em Deus, os 17 tipos do Yoga, de cada capítulo do Bhagavad Gita que é nosso caminho até lá.

Bhima
Um dos irmãos Pandavas, segundo filho de Kunti com Vayu (sua força o ar) Está no
Coração e pulmões
Na ciência ocidental convencional: 
agua terra fogo e ar
O Sangue  tem uma Função essencial em todos os sistemas do nosso organismo. Ele atinge todas as nossas células, alimentando-as eeliminando o que elas rejeitam. Mas para que isso aconteça, tem Necessidade o sangue de circular em nosso corpo, e os canais por onde ele "anda" São os vasos sangüíneos.

O sangue é constituído de plasma (uma espécie de líquido amarelado onde estão presentes proteínas, Glicídios, lipídios, hormônios e outras Substâncias) e dos elementos Figurados formados por hemácias (glóbulos vermelhos), leucócitos (glóbulos brancos plaquetas).
Já o Coração é um músculo que realiza atividades de contração e descontração, ou seja, abre e fecha, abre e fecha. Localiza-se Tórax e não dividi-se em duas cavidades: uma aurícula é uma ea outra, o ventrículo.

O Sistema Circulatório Funciona assim: com os movimentos de contração, o coração era como uma espécie de bomba que impulsiona o sangue para os vasos sangüíneos. Por sua vez, o sangue, rico em gás carbônico (CO2), dos órgãos que vem, chega à parte direita do coração pelas veias, passando da aurícula para o ventrículo e, pela contração deste, é carregado até os pulmões pelas artérias pulmonares.

Nos pulmões Ocorre uma troca gasosa: o CO2 é eliminado eo O2 (oxigênio) é absorvido pelas hemácias. Então, o sangue, agora rico em O2, sai dos pulmões e chega à parte esquerda do coração pelas veias pulmonares. Em seguida, passa da aurícula para o ventrículo e por contração, é Impulsionado para uma artéria aorta, que distribui o sangue rico em oxigênio para todo o organismo.
No conhecimento Védico Hindu 


O Mundo :As idéias cosmológicas em Vedas pode assim ser resumida como:


No início não havia nem o inexistente, nem o inexistente.

2. A força Supremo cosmogônico pela mera vontade de produzir o primeiro universo na forma de escuridão envolta em trevas.

3. As águas cosmológica Ambhas tem manifestado ao lado, sob a forma de líquido indiferenciado nas trevas, onde não havia luz alguma.

4. Das águas cósmicas, combinado com a motivação para se mover e provavelmente como um consequencce da fricção, fogo chamada Arka tem gerado.

5. Devido à ação do fogo e da água, o vento foi produzido e da combinação de vento, fogo e água produzida uma espuma que tem solidificado posteriormente para formar a terra.

6. O Supremo Brahman que é como um raio elevado, faz com que o universo inteiro  emergir e se mover. Assim, o fluido cósmico se origina devido ao movimento provocado pela vontade da alma Suprema move os átomos indiferenciado em uma nuvem indiferenciado de líquido escuro, que por causa do atrito de calor atinge o movimento e dá origem à terra cósmica (o ovo cósmico ou o estado embrionário do universo), que é o protoestrela do conceito moderno de cosmogonia. O movimento maior do fluido cósmico, juntamente com a terra cósmica produziu o ekapada aja, Sol.






A raiz significa "Va" aquele que flui "- e assim uma Vayu É um veículo para atividades e experiências dentro do corpo, ou uma "força" que se movimenta de uma maneira específica e em uma área específica do corpo. As práticas do Yoga - Tanto asana e pranayama  como no cotidiano quando estamos concentrados na fontanela e atentos á respiração.

Embora existam 49 vayus prana ou tipos de Vayu, Vayus cinco importantes para uma prática de Kriya Yoga Prana Vayu, Upana Vayu, Samana Vayu, Udana Vayu e Vyana Vayu.

 Cada  um regula áreas específicas do corpo, Não apenas o físico, mas governa qualidades emocionais e mentais Energias Fundamentais para uma saúde física, mental e bem-estar emocional. Na prática de Kriya Yoga Prana Vayu, Upana Vayu, Samana Vayu, Udana Vayu e Vyana Vayu. cada um regula áreas específicas do corpo, Não apenas o físico, mas governa qualidades emocionais e mentais Energias Fundamentais para uma saúde física, mental e bem-estar emocional.

1. Prana Vayu - Enquanto o 'força Prana' da geral nome é vital, o Prana Vayu é uma de suas Funções específicas. 
A energia conhecida como Prana Vayu governa uma região da garganta para o fundo do coração. A «sede» da vayu prana é o coração, e este vayu garante que o coração continue a bater . 
É associado ao elemento d ar, E tem um movimento ascendente associado com a inalação. Quando você respira, você sente uma respiração subir, Que é uma energia do prana vayu na parte superior do corpo. Seu movimento é para cima na forma como o copo está cheio de líquido - A partir da base para o topo. 
A experiência é a de estar cheio de energia, que é uma experiência distinta da Física da respiração como um fluxo de ar entrando pela nariz ou da boca para baixo e para os pulmões.
O Vayu governa o prana no processo de inalação, de ingestão, assimilação 
Através da digestão, bem como como os processos de tomada de impressões sensoriais e mentais assimilando informações e experiências. 
Mantem Adequada temperatura do corpo em relação ao seu ambiente, e sustenta uma os Órgãos vitais, especialmente o coração. Embora sua sede fique no Centro do coração vayu prana pode ser sentido em diferentes partes do corpo. Pode ser experimentado fortemente como ele se move dentro da cabeça nas práticas de Meditação e Pranayama. 
O Prana Vayu é a energia do chakra Anahata, o chakra do "Coração", que expressa que uma energia, resumida na frase conhecida, "Coração Aberto".

A Devoção

A Entidade Viva e forçada uma sofrer uma lamentação da Misérias, e ilusão do temor enquanto Cativa Permanecer e Maya de considerar que o corpo é o próprio ser.Por tanto, é indispensável que aceite O Refúgio de um genuíno guru (tattva-vit) Srimad Bhagavad Gita (Bhakti Vigyan Nityananda Book Trust / Sri Krishna Caitanya Mission (Regd.) / Sri Bhakti Vinod Ashram)



Cada capítulo do Bhagavad Gita cósmico é um portal, e somente com uma ajuda de um Sadguru e nossa Devoção a ele como nosso mestre espiritual isso é possível.

Filho do Ar e servo do Senhor Rama Irmão de Bhima

Hanuman, sempre pronto a ajudar os discípulos a superar os obstáculos para o serviço devocional ea Glória do Senhor
Narayana, todas em Deus Supremo de suas vindas ao plano material para nos Conduzir A Verdade Suprema.

Uma vida é muito pouco tempo para atravessar estes portais com segurança e por conta própria pois não estamos submersos Ilusão da Oceano.


Deus Supremo recebe nosso amor incondicional, uma Devoção, como parte dele mesmo assim nenhuma forma de amor é maior do que aquela Resultante da união amorosa com ele.


A Auto Realização é o resultado de um longo processo de superação e ligações da Universal com transcedental Oceano de bênçãos que está sempre esperando por nós, como crianças de Deus, de volta ao lar individual, ancestral jivatman onde nossa alma se funde com uma Paratman alma.



Um dos 5 Pandavas Primeiro filho de Kunti com Dharma (Verdade) aquele que é calmo durante um batalha



O quarto Om


O quarto Om emitido pelo búzio do Rei Yudhisthira é aquele que passamos a ouvir de modo initerrupto Quando estamos seguindo fielmente as instrucoes do nossoSadguru Aqueles aos Quais  Ele dá sua Dakshna. (Parampara)


4. Udana Vayu - É uma força específica que expele ar, relacionado com exalação,  discurso e  produção de som. "Udana" é "aquele que carrega para cima. 
"Rege uma região da garganta e cabeça, E especificamente está sentado na garganta.  Quando o udana está desequilibrado, o discurso é incoerente  os pensamentos são desconexos e incoerentes , a fala fica desarticulada,  auto-expressão e as emoções ficam reprimidas 
Eter,espaço ou vácuo está relacionado com o 5º chakcra ou chacra da garganta, Chakra Vishuddha. Essa energia se move entre este chacra e o chacra superior O chakra Ajna ou terceiro olho.
jai gurudev

No comments:

Post a Comment